V-E-R-G-O-N-H-A

Esta é a palavra para definir o que foi protagonizado na Arena Joinville, na tarde deste domingo (07). Sem chances de classificação, o Joinville conseguiu perder para o Tubarão, na última rodada do Catarinense por 1 a 0.

Agora a equipe tricolor só irá entrar em campo novamente no dia 05 de maio, quando irá estrear na Série D, diante da Ferroviária, em Araraquara.

Debaixo de muita chuva, apenas 804 guerreiros compareceram à Arena Joinville para acompanhar a partida. E tiveram total desrespeito por parte da diretoria, que não foi capaz de liberar o setor das cobertas aos torcedores, que tiveram que ver a derrota da equipe na chuva mesmo.

Sobre o jogo, fraco tecnicamente, o Joinville até chegou a criar mais na primeira etapa, mas não levou muito perigo a meta de Júnior Belliato.

Na segunda etapa, o Tubarão conseguiu seu gol. Após boa troca de passes, Tilica tentou driblar Jefferson, a bola sobrou para Edu que apenas empurrou para o fundo do gol.

Mesmo perdendo o jogo, o JEC seguiu mal na partida, e a equipe do Sul chegou mais perto de fazer o segundo do que o tricolor do empate.

Já na reta final do jogo, o atleta Nikolas Farias do Tubarão colocou a mão na bola dentro da área, e a arbitragem marcou pênalti para o Joinville. Mesmo sem merecer, o Coelho teve a chance do empate, mas na cobrança Hugo Almeida, cobrou mal e Belliato faz bela defesa com os pés.

Nikolas Farias ainda teve uma grande chance de fazer o segundo do peixe, mas Jefferson fechou bem o ângulo e Nikolas acabou chutando pra fora.

Nos acréscimos, Oliveira do Tubarão e Erick Daltro do Joinville se estranham e foram para o chuveiro mais cedo.

 

(Foto: Júlio César / JEC Divulgação)

 

E assim terminou essa partida melancólica na Arena Joinville, resultado que garantiu a equipe do Sul do estado na primeira divisão do Catarinense.

O Joinville esteve em campo com: Jefferson; Diego Bispo (Saile), Luan, Marlon e Erick Daltro; Leandro Bulhões, Caique, Wellington Rato (Antony), Robert e Nathan Cachorrão (Baianinho); Hugo Almeida.

VERGONHA, a única palavra para descrever o que estão tentando fazer com o meu Joinville Esporte Clube. Mas não vão conseguir!!!

Aqui é JEC!!!!!

 

Por Daniela Cristina