VAMOS ÀS QUARTAS!

 

Passado o sufoco da primeira fase e tendo vencido o primeiro dos mata-mata, o que vier daqui para frente é um enorme lucro para os ingleses

 

O jogo contra a Colômbia foi complicado. Uma partida dura, truncada, decidida nos pênaltis, cheia de tensão, onde a classificação foi salva por uma defesa de Pickford. Apesar disso, os ingleses seguem confiantes para a disputa contra a Suécia.

O técnico Gareth Southgate e sua aposta em jogadores jovens e cheios de vontade deram uma nova cara ao English Team e, chegar tão longe em um Mundial apenas 4 anos após uma de suas piores atuações de sua história, no Brasil, mostra a competência de uma gestão linha dura em campo, mas que nos bastidores promove um enorme clima familiar entre comissão técnica e atletas.

Durante toda a Copa de 2018, o que foi possível ver dos Três Leões em campo e fora dele foi uma seleção unida, alegre, muito disciplinada e focada em seus objetivos. Tendo classificado de forma brilhante para a competição, com uma defesa fechadinha e um time que, apesar de não estar perfeito, tem uma enorme qualidade técnica.

 

Os garotos ingleses.

(Foto por Agencia Reuters / FIFA OFICIAL)

 

O momento é esse e a hora é agora. Com o melhor time dos últimos tempos, um ótimo ambiente e tudo favorável, não existe cenário melhor para que a Inglaterra sonhe com a vaga para a semifinal e, quem sabe, a tão sonhada final.

Para a partida contra a Suécia, Southgate deve escalar Jordan Pickford; Kyle Walker, John Stones, Harry Maguire; Kieran Trippier, Dele, Jordan Henderson, Jesse Lingard, Ashley Young; Raheem Sterling, Harry Kane

 

Para cima deles, Três Leões!

Por Victória Monteiro