VAMOS GANHAR MACACA QUERIDA

 

Após a vitória contra o Cruzeiro na última quarta-feira, a Ponte Preta terá novos desafios, principalmente de ganhar mais uma partida no Majestoso e continuar invicta em casa. E neste domingo (25) às 16h a partida é contra o Palmeiras.

 

(Foto retirada da página oficial da Ponte Preta)

 

 

Mas os desafios não param por aí, como qualquer elenco enfrenta este problema a cada partida que vai avançando no campeonato, não seria diferente para a Ponte que deseja se fortalecer com a base titular, os jogadores terão de enfrentar o desgaste físico devido a maratona de rodadas, principalmente para os veteranos Rodrigo e Emerson Sheik que jogaram os 90 minutos mais os acréscimos com raça na partida anterior.

 

O Campeonato Brasileiro é puxado, a cada três dias praticamente uma partida e os jogadores estão no limite. Chega o momento que teremos que poupar jogadores e disseram isso em entrevistas, que estão analisando e não descartam a possibilidade. tudo vai depender dos médicos e da condição física do atleta.

 

Até porque, semana que vem a Macaca terá uma partida válida pela Sul-Americana em Campinas contra o Sol de América e depois já no domingo terá outra contra o Avaí em Florianópolis.

 

Nesta sexta-feira foi realizado um trabalho regenerativo, e tudo indica que no jogo mesmo com o desgaste físico do elenco, Kleina terá todos os titulares a sua disposição.

 

E pretende ir com força máxima para cima do Palmeiras e pediu para que o torcedor compareça ao estádio.  “Eu acho que esse tipo de partida que faremos necessita esse tipo de espírito para que nós, mais uma vez, possamos ser competentes e manter o pensamento positivo. E espero que o nosso torcedor possa comparecer ainda mais, para que a gente possa ter mais força para enfrentar uma equipe desse nível.”

 

 

A provável escalação da Ponte: Aranha, Nino Paraíba, Marllon, Rodrigo e João Lucas; Fernando Bob, Elton e Renato Cajá; Claudinho, Lucca e Emerson Sheik.

 

Desfalques: Xuxa (transição física), Negueba (tratamento de entorse no tornozelo esquerdo) e Yago (recuperação de cirurgia no joelho).

 

Pendurado: Emerson Sheik

 

Arbitragem: Wagner Reway (Fifa) apita o jogo, auxiliado por Fábio Rodrigo Rubinho e Marcelo Grando, todos do Mato Grosso.

 

 

 

Ponte Preta raça de campeão!

Por Caroline Valentim.