Vasco x Chapecoense : Confronto direto contra o rebaixamento.

O Vasco enfrenta nesta quinta um adversário direito na fuga do rebaixamento,a Chapecoense, no Maracanã às 19:30. O Vascão vai em busca de manter a ótima sequência de bons resultados que vinha tendo antes da parada do brasileirão. 

O técnico Jorginho vai ter alguns desfalques importantes para essa partida principalmente no ataque que é onde surge a maior dúvida do treinador. 

Sem Rafael Silva e Jorge Henrique que estão suspensos,já que foram expulsos na última partida contra o Avaí,o treinador deve optar por Herrera ou Romarinho. Além desses já citados também não jogam o goleiro Martín Silva e o lateral Madson que também foram suspensos por receberem o terceiro cartão amarelo. 

Com os resultados das partidas de quarta, dos adversários diretos do Vasco, com uma vitória, o Gigante fica a três pontos do Avaí, o primeiro fora da  zona de rebaixamento, cada jogo nessa reta final de brasileiro é muito importante para o Vasco principalmente contra os adversários diretos e nos jogos em "casa."

Como nos outros jogos, o Vasco vai contar com o apoio da torcida, que está ao lado do time em todas as partidas e vem sendo um diferencial nos jogos do Vasco. 

 

- Jogo mais importante do ano. Jogando contra uma equipe que é um dos candidatos muito próximos do Z-4, um confronto direto. A gente sabe que uma vitória nos leva a três pontos deles, uma derrota nos leva a nove, e um empate permanece na mesma situação. É o jogo do ano, vamos encarar dessa forma. Passei essa semana tocando nessa tecla, encarar como final. Jogadores estão entendendo a responsabilidade. O Guto (Ferreira, técnico da Chapecoense) tem feito um excelente trabalho, mudou a equipe, está com uma pegada maior, muito forte, estão bem na Sul-Americana também. É um treinador estratégico e que precisa ter todo cuidado necessário. Se ganharmos, nos dá uma grande possibilidade de pensarmos mais alto. Falou Jorginho, técnico do Vasco.

 

Para essa partida Jorginho deve mandar a campo a seguinte equipe : 

 

 Jordi, Bruno Ferreira, Rodrigo, Luan e Júlio César; Bruno Gallo, Julio dos Santos, Andrezinho e Nenê; Herrera (Romarinho) e Leandrão.

 

Avante Vascão!