VÊM QUE EU TE QUERO: CLASSIFICAÇÃO!

 

Saudações Atleticanas povo preto e branco!

 

O Galão da Massa volta à campo nesta terça – feira (27), às 21h30min pela Copa Sul Americana, dessa vez a disputa será em terra colombiana, precisando empatar ou vencer para ir direto para as semifinais da disputa internacional, já que na terça-feira passada o Atlético venceu em casa a equipe colombiana por 2 a 1.

 

El Campin será o palco de La Equidad x Atlético-MG —

 Foto: Divulgação/Santos FC


 

La Equidad o adversário do Atlético surpreendeu no Independência, a equipe saiu na frente e tomou a virada no segundo tempo, por isso toda atenção deve ser dada para mais essa disputa, a equipe colombiana ainda terá fatores prós, como: jogo no Estádio El Campin, na capital Bogotá, que é a terceira mais alta do mundo, a altitude será mais um adversário para o Galo.

 

O técnico Rodrigo Santana em entrevista citou a dificuldade a mais que a altitude traz:

“- Eu já tive experiência na altitude. Ela interfere bastante na velocidade da bola. O momento que você dá o pique, dá até com bastante leveza, mas o problema é quando você para. Ai que vai buscar o ar e sente a falta de oxigênio. Tendo vantagem, estando a frente no placar não vai prejudicar muito. A gente sabe da responsabilidade de ter de vencer, de ter que classificar. A gente tem uma vantagem, mas a gente precisa fazer um jogo muito seguro para voltar classificado, porque temos pedreiras fora de casa no Campeonato Brasileiro e precisamos reagir.” Destacou o treinador.

 

A equipe titular para este confronto deve ser: Cleiton; Patric, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; Jair; Chará, Elias, Vinícius e Cazares; Ricardo Oliveira. E a equipe vêm pressionada pela torcida para obter a classificação, já que no sábado passado (24), Rodrigo Santana optou escalar uma equipe reserva para o jogo contra o Bahia, tendo apenas dois titulares: Cleiton e Igor Rabello, justificando a prioridade na decisão pela Sul Americana.

 

A equipe de arbitragem será comandada pelos uruguaios: Esteban Ostojich, será o árbitro principal, enquanto Leodán González vai operar o VAR da cabine do estádio. 

 

Falou em decisão, a energia muda, o coração pulsa e a ansiedade aumenta, que os jogadores estejam no clima de “guerra”, ou seja, lutar com toda nossa raça pra vencer.

 

#BicaBicudo

Por: Angélica Sheila Moreira