Virando a chavinha: LIBERTADORES OBSESSÃO!

 

 

Depois de quebrar tabus no Brasileirão e de fazer um baita jogo contra o CRU na Copa do Brasil, o Palmeiras vem focado, buscando um bom resultado na nossa principal competição do ano – Copa Libertadores da América. O Alviverde Imponente vai a campo nesta quarta-feira (05), às 21h45, no Equador.

 

 

unnamed.jpg

Foto: Cesar Greco

 

 

Esperava um jogo fácil torcedor? Infelizmente venho lhe informar que de fácil não tem nada. O Barcelona de Guayaquil, é um baita de um adversário, mesmo não sendo tão falado. Se você, assim como eu, assistiu a fase de grupos da Libertadores, sabe como esse time ganhou destaque e chamou a atenção. O time equatoriano, traz algumas qualidades que podem dificultar a passagem do Palmeiras pelo Isidro Romero Carbo. O Barcelona, foi o primeiro time a se classificar na Libertadores, mesmo em um grupo não muito fácil. As dificuldades vão de longas horas de viagem, até o caldeirão deles que cabe mais de 60 mil torcedores. Mas não tememos adversário algum e vamos de cabeça erguida!

 

ESCALAÇÃO E DESFALQUES

 

O Palmeiras não teve muito tempo para treinar mas, o elenco titular descansou o fim de semana. A delegação viajou na tarde desta segunda-feira (03), enfrentou 7 horas de voo, e já com o fuso horário, chegou na manhã desta terça-feira (04), na cidade de Guayaquil.

 

 

unnamed (1).jpg

Foto: Cesar Greco

 

 

O Professor Cuca como sempre não deu certeza de nenhum jogador. Guerra viajou com o time, já recuperado de uma inflamação no quadril treinou na manhã de segunda (03), mas é dúvida se começa o jogo na equipe titular.

A provável escalação, é: Prass; Mayke, Mina, Luan e Juninho; Bruno Henrique (Thiago Santos) e Tchê Tchê; Guerra, Dudu e Roger Guedes; Borja (William).

Com uma extensa lista de lesionados, ficaram em São Paulo: Arouca, Moisés e Thiago Martins (recuperação física), Jean (lesionado) e Felipe Melo (recuperação física e suspenso).

O trio de arbitragem será: Patrício Loustau (ARG), auxiliado por Diego Bonfa (ARG) e Gustavo Rossi (ARG). O juiz é conhecido como “homem da polêmica”, e adora distribuir cartões. Espero que sua nacionalidade não atrapalhe o nosso jogo.

 

 

Agora está nas mãos do time, está na garra deles, está na vontade e na raça. Deem a vida jogadores. Joguem como se a vida de vocês estivesse em jogo. Pensem em nós! Deem a vida pelo Palmeiras, como nós damos! Deem cada suor, e honrem a camisa verde que vocês vestem. Lutem cada segundo, procurem o gol, busquem a oportunidade e mesmo se a vitória não vier, estaremos aqui para receber vocês. Mas queremos que lutem!

 

De alviverde, para alviverde – Isa Brignoli.