VISANDO O TOPO

No sábado (13), às 17h, o Tricolor Gaúcho volta aos gramados da Arena, mas dessa vez pelo Campeonato Brasileiro em jogo válido pela 10º rodada, o Grêmio enfrenta o Vasco. Estando na 11º colocação, o time visa a vitória para subir ainda mais na tabela. 

O Grêmio vem de um jogo que não agradou em nada os torcedores que esperaram um mês para ver mudanças e viram o mesmo time fraco, jogando contra o Bahia pela Copa do Brasil na quarta-feira (10), levando um empate para o próximo jogo fora de casa.

O Grêmio tem muitos problemas para serem resolvidos para que consiga atingir a meta de ser campeão nos campeonatos que participa. Um deles é o cansaço físico dos jogadores, serão sete jogos em vinte e três dias no mês de julho, quatro deles fora de casa. 

FOTO: LUCAS UEBEL/GRÊMIO FBPA

Outro problema é a temporada de lesões que os jogadores gremistas viveram e vivem ainda, foram doze jogadores no departamento médico antes da parada da Copa América, alguns já foram liberados como Cortez e Kannemann, que atuaram no jogo contra o Bahia, neste mesmo jogo o centroavante Vizeu sofreu uma ruptura em um dos ligamentos do joelho esquerdo e vai precisar passar por cirurgia, desfalcando o time por no mínimo dois meses. 

Sem Vizeu, o jogador da base Da Silva foi promovido e já trabalha com o grupo principal, o centroavante passará por um período de observação para saber se tem condições de ser escalado pelo técnico Renato, que ainda prefere usar Luan na trinca de três meias, assim como Tardelli. 

Falando em Tardelli, é outro jogador que vem caindo na desaprovação da torcida, com um salário exorbitante de R$ 1 milhão para não jogar. Em entrevista o técnico Renato revelou que o atacante não tem condições físicas de atuar como atacante pelos lados, por conta de seus 34 anos e por isso o jogador irá atuar como meia, porém não se sabe quando. 

A provável escalação para o jogo contra o Vasco é: Paulo Victor, Leonardo, Geromel, Kannemann, Cortez, Maicon, Matheus Henrique, Alisson, Jean Pyerre (Tardelli), Everton (Pepê), André (Luan). 

Vale ressaltar que o Vasco não ganha como visitante desde 2006, quando o Grêmio ainda jogava no Estádio Olímpico Monumental.

 

Camila Seelig e Noara Tainá