We, the reds! “Nós, os vermelhos!”

 

Hoje é dia de conhecer um pouco mais da seleção da Coreia do Sul e de suas características e curiosidades, além de informações de sua seleção, classificada para o mundial da Rússia. Tá chegando a hora!

 

(Foto: Divulgação)

 

O país tem cerca de 48 milhões de habitantes e sua capital, Seul, é a segunda maior área metropolitana do mundo, perdendo apenas para Tóquio! Até o ano de 1945, formava uma só Coreia junto com a atual Coreia do Norte. Estamos falando de um país com economia crescente e também um dos mais avançados tecnologicamente, fabricando celulares e outros aparelhos eletrônicos – além da tradição na construção naval. No campo da educação, pode ser destacado que a Coreia do Sul foi o primeiro país do mundo a equipar todas as suas escolas com internet banda larga e desenvolvem, paralelo a isso, os primeiros livros didáticos digitais do mundo.

 

Os esportes mais populares no país são o tae-kwon-do e algumas outras artes marciais de nomes ainda mais difíceis: hapkidô, o haidong gumdo, o taekkyeon, o tangsudo e o kuk sool won. É importante destacar que o beisebol, levado para o país no início do século XX, tem forte tradição no país. Em 2008, nas olimpíadas de Pequim, a Coreia do Norte ganhou a medalha de ouro na modalidade.

 

No futebol, o país não tem muita tradição, mas está pronto para esse desafio. De suas 13 participações em mundiais, foi em 2002 que conseguiu sua melhor colocação: 4º lugar. Foi nesse ano que sediou, junto com o Japão, a primeira Copa do Mundo realizada em dois países.

 

PREPARAÇÃO PARA A COPA DO MUNDO

 

(Foto: Divulgação)

 

No último sábado, a Coreia do Sul enfrentou em casa a seleção de Honduras, em jogo amistoso. A equipe jogou melhor e venceu por 2 a 0, gols de Heung-min Son e Seon-min Moon. Na próxima sexta (1º), será a vez da Bósnia, também em casa. Daí em diante, a equipe viaja para a Áustria para enfrentar as seleções da Bolívia (7) e Senegal (11). Encerando a sequência de amistosos, o time seguirá para São Petersburgo para a concentração até a sua estreia na copa dia 18, contra a Suécia.

 

A seleção ainda terá, pela fase de grupos, jogos contra a seleção do México (24) e o jogo mais esperados pelos seus jogadores: a atual campeã, Alemanha, dia 27 de junho.

 

O ASTRO DO TIME

 

Aos 25 anos, Son Heungmin é a estrela da seleção Sul Coreana. O jogador atua desde 2015 pelo Tottenham, tradicional time inglês onde jogou Paulinho (volante consagrado no Corinthians) e onde atualmente joga Lucas, que já atuou pelo Juventus, Corinthians e São Paulo.

 

(Foto: Divulgação)

 

Heungmin enfrentará um dilema nesta copa. Em seu país, todos os homens devem cumprir o serviço militar por dois anos, até os 27 anos. Para os atletas do futebol, é possível fugir desta regra vencendo os Jogos Asiáticos, a própria Copa do Mundo ou sendo campeões olímpicos na modalidade, feitos não alcançados pelo jogador, até então. Son completará 27 anos em 2019 e corre o risco de interromper sua carreira para seu alistamento. Fatos como esse só destacam as dificuldades que atletas ainda sofrem devido às exigências impostas para interesses de quaisquer pessoas, exceto do próprio atleta, e reforça a ideia que ninguém deveria participar obrigatoriamente de espaços que não deseja. Ainda há muito o que avançar nesse sentido e o que se espera é que o jogador permaneça exercendo sua profissão, sem interrupção.

 

OS CONVOCADOS PARA A COPA 2018

 

O técnico Shin Tae-yong revelou uma pré-lista para a Copa do Mundo de 2018.

 

Goleiros: Kim Seunggyu (Vissel Kobe-JAP), Kim Jinhyeon (Cerezo Osaka-JAP), Jo Hyeonwoo (Daegu FC-COR).

 

Defensores: Kim Younggwon (Guangzhou Evergrande-CHI), Jang Hyunsoo (Tokyo FC-JAP), Jeong Seunghyeon (Sagan Tosu-JAP), Yun Yeongseon (Seongnam FC-COR), Kwon Kyungwon (Tianjin QuanJian-CHI), Oh Bansuk (Jeju UTD-COR), Kim Jinsu (Jeonbuk Hyundai-COR), Kim Minwoo (Sangju Sangmu-COR), Park Jooho (Ulsan Hyundai-COR), Hong Chul (Sangju Sangmu-COR), Go Yohan (FC Seoul-COR), Lee Yong (Jeonbuk Hyundai-COR).

 

Meio-campistas: Ki Sung-Yueng (Swansea City-ING), Jung Wooyoung (Vissel Kobe-JAP), Kwon Changhoon (Dijon FCO-FRA), Ju Sejong (Asan Mugunghwa-COR), Koo Jacheol (Augsburg-ALE), Lee Jaesung (Jeonbuk Hyundai-COR), Lee Seung-woo (Hellas Verona-ITA), Moon Sunmin (Incheon UTD-COR), Lee Chung-yong (Crystal Palace-ING).

 

Atacantes: Kim Shinwook (Jeonbuk Hyundai-COR), Son Heungmin (Tottenham-ING), Hwang Heechan (Red Bull Salzburg-AUS), Lee Keunho (Gangwon FC-COR).

 

Reservas: Gu Sungyun (goleiro), Choi Chulsoon (defensores), Son Junho, Lee Myungjoo, Lee Changmin, Ji Dongwon (meio-campistas), Suk Hyunjun (atacante).

 

Fontes:

- kfa.or.kr

- wikipedia

- globoesporte.com.br

- gazetaesportiva.com

 

POR LÍVIA TORRES